Gírias de todas as tribos

São aquelas gírias que todos falam ou conhecem e que fazem parte do nosso cotidiano:

1-     A preço de banana: muito barato

2-     Busão: ônibus

3-     Canhão, dragão: mulher feia

4-     Comer pelas beiradas: chegar de mansinho

 Procuramos por algumas gírias antigas e suas origens, provavelmente, essas são da época que nossos pais eram jovens. Pergunte para eles o significado, temos certeza que eles saberão as respostas:

Bafafá: confusão. Tem origem na palavra árabe bafaf, que quer dizer bolo.

Pindaíba: sem dinheiro. De origem tupi, “pinda” significa anzol e “aiba”, ruim.

 Xilindró: prisão. Em língua banto, era como os escravos brasileiros chamavam seu esconderijo no mato.

 Patavina: nada. Na Idade Média, o aluno ridicularizava o ensino de latim, citando o autor Titus Livius Patavinus.

 Arco da velha: muito antigo. Expressão do Evangelho, simbolizando a paz, a aliança entre Deus e o homem.

 Araque: sem valor. Bebida árabe; por isso, a conversa vira de “araque” quando se bebe muito e não se sabe o que se diz.

About these ads

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: